Apóstolas
Clelia Merloni
Coração de Jesus
Província - PR
Vice-Província
Educação
Saúde
Pastoral
Ação Social
Vocacional
Triunfo
GFASC
Links
Localização
WebSisterZu
Página Inicial
 
Serviços
Capela Virtual
Arquivos
Calendário
Cartões
Fotos
Informativos
Mensagens
Mural
Notícias
Enquete
WebMail
Coração de Jesus

Curitiba teve a honra de receber a visita das relíquias de Santa Margarida Maria Alocoque, a confidente do Coração de Jesus, nos dias 11 a 15 de setembro de 2007.

Da noite de 14 para a manhã do dia 15, as relíquias estiveram na Capela da Sede Provincial do Instituto das Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus.
Boas Vindas a Santa Margarida Maria Alacoque


Querida Santa Margarida Maria,

Sê Bem-vinda em nossa Sede Provincial!
Nós, Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, sentimos-nos muito honradas e agraciadas com a tua presença! Sabemos que foste escolhida como confidente, para transmitir-nos o grande amor que Jesus tem por nós. Foste escolhida pare seres a herdeira dos tesouros do seu Sagrado Coração. A ti Ele manifestou as riquezas de Seu misericordioso coração, a fim de que pudesses comunicar quão imenso é o Coração de Deus!

Para receber-te, temos irmãs das comunidades de Curitiba, que representam todas as Apóstolas da Província. Também membros da Grande Família do Sagrado Coração, que partilham a espiritualidade herdada de nossa Fundadora Clélia Merloni, que foi grande amante e difusora da devoção ao Sagrado Coração, cuja inspiração, não temos dúvida, foram tiradas de tuas palavras e de teu testemunho, querida Santa Margarida!

Pensamos que, ao olhar teu exemplo de religiosa fiel ao mandato do Senhor, de transmitir o Seu culto, através da divulgação das Doze Promessas e da Hora Santa reparadora, associado à disposição de dar a vida minuto a minuto para amenizar as ofensas que Jesus recebe, especialmente na eucaristia, motivou nossa fundadora a escolher-te como uma de nossos santos protetores.

Santa Margarida Maria, colocamos-nos diante de tuas veneráveis relíquias, para dizer que amamos muito o Coração de Jesus e contamos com tua ajuda para amá-lo mais! Que estamos dispostas a trabalhar pela glória e dilatação do Seu Reinado no mundo e suplicamos a tua intercessão para que saibamos aproveitar ainda melhor as ocasiões que surgem diariamente.

São tantas as oportunidades apresentadas para que busquemos a estrada larga que nos faz deixar Deus em segundo plano. Uma vez que soubeste trilhar com tanto amor, a estrada estreita do sacrifício e da proximidade de Deus, imploramos que nos ajudes a seguir com amor e generosidade os passos de Jesus.

Querida Santa Margarida, essa visita inesperada, fora de roteiro, com certeza tem algo a dizer a nós como família religiosa e como grande família. Queremos, junto com as tuas relíquias, nesta noite, escutar o que o Senhor nos diz e procurar entender a grandeza, a largura, a altura e profundidade do amor do Coração de Jesus, e como está sendo a nossa resposta a tão grande dádiva!
Sê Bem-vinda, Santa Margarida! Ajuda-nos a ser verdadeiros discípulos e missionários de Jesus, como nos pede o Evangelho e a V conferência de Aparecida!
Abençoa nossas famílias e comunidades, Santa Margarida!

Agradecemos a Sra. Claudia e o Sr.Ricardo, casal de consagrados da Canção Nova, que nos proporcionou este momento de emoção, alegria e graças especiais, com a presença das relíquias.

Ir. Maria de Lourdes Castanha, ASCJ
Superiora Provinacial
Curitiba, 14 de Setembro de 2007.
Visita das relíquias de Santa Margarida Maria
Curitiba, 14 e 15 de setembro de 2007



Nós, Irmãs Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, vivemos uma situação ímpar e um momento que não pode ser considerado uma simples coincidência, mas sim um forte chamado de Madre Clélia para o essencial de nossa opção de vida.

Relíquias de Santa Margarida Maria Alacoque estão percorrendo o Brasil para levar ao nosso povo a mensagem de Paray-Le-Monial: “Eis o Coração que deseja incendiar o mundo pelo amor.” Não estava no roteiro a cidade de Curitiba, muito menos um espaço particular como o nosso Instituto. Mas o Coração de Jesus, como nos mostra o Evangelho, quebra protocolos e faz o seu caminho.

Na leitura que faço do momento vivido, vejo as relíquias de Santa Margarida, num quando emoldurado de símbolos e significados:

No dia da Exaltação da Santa Cruz, devia deixar o Santuário Sagrado Coração de Jesus onde se encontrava para veneração pública e deveria ser recolhida em outro lugar aguardando sua viagem para outro estado.

Esta comunicação chegou até nós e, sem dificuldade, pensou-se em acolhê-la na Sede Provincial para uma noite de vigília e oração antes que deixasse Curitiba. Isto deu-se numa sexta-feira, festa da Exaltação da Santa Cruz, fundamento da fé cristã e conteúdo do nosso carisma: “... colocai-vos aos pés do Crucificado,... e observai, se podeis reconhecer na vossa alma uma imagem do divino Redentor... ”(PM 356).

A superiora provincial, Ir. Maria de Lourdes Castanha, a acolheu em nome das Apóstolas como quem acolhe um dom de indizível valor, riqueza e significado.

Depois de uma belíssima hora santa em companhia do Coração Eucarístico de Jesus, Apóstolas de todas as Comunidades de Curitiba, animadas e afervoradas pelas palavras, vida e missão de Santa Margarida, passaram a noite em vigília.

Na manhã do sábado, festa de Nossa Senhora das Dores, devoção predileta de nossa fundadora, com grande presença de Apóstolas de diversas comunidades, teve lugar a celebração Eucarística, em honra de Nossa Senhora. Assim podemos afirmar que Santa Margarida a amante do Lado aberto do Coração de Jesus, veio a nós de braços dados com a Cruz e a Virgem das Dores, para nos lembrar a missão e o caminho que deve ser percorrido pela Apóstola, que se decide fazer parte da família de Clélia Merloni.

Tudo ganha sentido e significado se consideramos a sexta-feira com a Exaltação da Cruz, o Sábado com Nossa Senhora das Dores e Margarida que fazia da sexta-feira sua vigília de amor e penitência para que mais corações se deixassem atrair pelo amor do Coração de Jesus; este encontro dá-se no ano do cinqüentenário da Província, sendo Sumo Pontífice, Bento XVI, o Papa que contemplou o Lado aberto do Coração de Jesus.

Esta inesperada visita vem para nos dar a conhecer quem foi Santa Margarida, aumentar em nós a confiança absoluta no Coração Santíssimo de Jesus, fazendo-nos testemunhas do seu Amor.

Senti que para o processo de canonização de Clélia Merloni, para a revitalização da vida espiritual e apostólica de nossa Província, este momento é de importância significativa; certamente dará novo vigor à nossa vida, novo entusiasmo no seguimento do Coração de Jesus, aumentará o número dos que se deixarão tocar por Ele, crescerá o desejo de santidade em cada uma de nós e nos tornaremos mais fiéis como Apóstolas do Amor, Apóstolas como os Apóstolos e Apóstolas Reparadoras.

Santa Margarida Maria, intercedei ao Coração de Jesus por nós!

Ir.Neli Faccin, ASCJ
Curitiba-PR
Versão para impressão
Conteúdo visualizado 8.899 vezes.
Última atualização em 17/05/2011.
Copyright © 2007 - Instituto das Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus - Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por: MDR Informática - projetos web sob medida